clemilton alencar
logo Real cds
maxx gelo
anuncie aqui
serrita

Policial Militar Feminina (PFem) é Encontrada Morta em Teresina

Maurília Elias

A policial militar identificada como Maurília Elias da Silva, de 28 anos foi encontrada morta dentro de seu apartamento, na manhã desta segunda-feira (22), no bairro Morada Nova, zona sul de Teresina, no Centro-Norte Piauiense a 353 km do litoral.

A jovem policial, que era lotada no 1° Batalhão da Polícia Militar desde 2010, foi encontrada morta por volta das 10h da manhã, dentro do banheiro de casa, com um tiro na cabeça. A perícia foi  acionada para atestar as causas da morte. A polícia trabalha com várias linhas de investigação e as hipóteses de suicídio e/ou homicídio são pontos cruciais no início do que foi encontrado no local do fatídico acontecimento.

Por Clodualdo Sousa – Da Redação Giro Sertão

Suspeito de tentativa de estupro é espancado até a morte em Pernambuco

israellinchamentoafp2
Um homem suspeito de tentar estuprar uma jovem de 19 anos foi espancado até a morte, no fim da noite da última sexta-feira (19), no Loteamento Santo Inácio, às margens da Rodovia PE-09, em Tamandaré, no Litoral Sul de Pernambuco. Policiais militares foram acionados e encontraram o acusado, de 42 anos, com lesões graves na cabeça e inconsciente. Atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), a vítima de linchamento faleceu a caminho do Hospital da Restauração (HR), na área do Recife.
De acordo com o cabo da Polícia Militar de Pernambuco (PMPE) Alexandre José Loureiro, do 10º BPM, a confusão no Loteamento Santo Inácio começou por volta do meio-dia de sexta. O homem, um trabalhador rural, usou uma faca e tentou abusar sexualmente da jovem.
Ele invadiu a residência da vizinha e obrigou a jovem a tirar a roupa e deitar na cama. A vítima aproveitou um vacilo do agressor, o empurrou e correu gritando por socorro. O suspeito, segundo a PM, havia se mudado para a localidade há apenas uma semana.
Segundo o boletim de ocorrência registrado pela PM, o homem fugiu por um matagal e moradores do loteamento iniciaram uma perseguição, inicialmente sem sucesso. A mulher foi encaminhada à delegacia para prestar queixa.
À noite, os moradores da localidade encontraram o suspeito e promoveram o linchamento. Ele ainda chegou a ser atendido em um hospital da cidade, antes de ser colocado na ambulância do Samu.
Os autores do homicídio ainda não foram identificados. As investigações do coime serão realizadas pela Delegacia de Tamandaré.
(G1)

Bom Conselho-PE: Corpo encontrado em estado de decomposição

cadaver decomposicao bom conselho agreste violento 2Um corpo do sexo masculino, sem identificação, foi encontrado neste domingo (21), na Serra de São Pedro, divisa dos município de Bom Conselho e Iati-PE. O cadáver se encontrava com as mãos amarradas, em avançado estado de decomposição, parcialmente carbonizado e apresentava uma perfuração no crânio, possivelmente provocada por disparo de arma de fogo. Policiais que isolaram a área, suspeitam que o local foi escolhido como desova, uma vez que fica próximo à divida com o Estado de Alagoas. Após a perícia inicial, o corpo foi encaminhado para IML – Instituto de Medicina Legal de Caruaru-PE e o caso está sendo investigado pela delegacia de Bom Conselho-PE.

Por Clodualdo Sousa – Da Redação Giro Sertão

Águas Belas-PE: Homem tenta matar irmão e é amarrado em cerca de arame

tentou matar irmao aguas belas agreste violentoA Polícia Militar prendeu na manhã deste domingo (21), na zona rural de Águas Belas, Agreste de Pernambuco, o Agricultor Sebastião Alves, de 42 anos, que estava de posse de três espingardas. De acordo com testemunhas, ele tentou assassinar o irmão, Manoel Aparecido Costa Alexandre, de 30 anos.

A tentativa de Sebastião foi contida por parentes que o contiveram e lhe amarraram em uma cerca de arame farpado até a chegada da polícia, durante a confusão, o acusado ainda teria agredido uma das irmãs com o cano de uma das espingardas.

Manoel Aparecido foi socorrido para a emergência do Hospital João Secundino de Souza e removido para Hospital Regional Dom Moura na cidade de Garanhuns-PE. Familiares e o acusado foram levados ao plantão da 18ª Delegacia Seccional, aonde foi lavrado o flagrante.

Por Clodualdo Sousa – Da Redação Giro Sertão

Salgueiro-PE: 8ºBPM recupera veículo furtado

 

Por Clodualdo Sousa – Da redação Giro Sertão.

220816fiatunofurtado

Neste domingo (21), por volta das 12h, A GE Murici/8ºBPM, após informações repassadas pelo Sr. C. C. A., que seu veículo, um Fiat Uno Miller de placas JLF-8713, com branca, ano 1997, teria sido furtado durante a madrugada da mesma data, onde segundo a vítima havia deixado o carro estacionado na noite anterior, em frente a sua residência, na Rua 16, bairro Cohab em Salgueiro, sendo que pela manhã o veículo não estava mas. Diante dos fatos foram realizadas diligências e o automóvel foi localizado nas margens da BR 116 a aproximadamente 8Km de Salgueiro sentido Cabrobó. A ocorrência foi encaminhada para a 193ªDP de Salgueiro, aonde foi registrado o fato.

Cinco homens são mortos em chacina na madrugada deste domingo em Feira de Santana

O delegado João Rodrigo Uzzum, que esteve no local da chacina, disse que por enquanto não vai se pronunciar sobre o caso. As vítimas ainda não foram identificadas.
220816chacinaba
Por: Daniela Cardoso e Ney Silva

Cinco homens  foram mortos a tiros por volta das 4h deste domingo (21) na Rua B,  Portelinha, no bairro Pedra do Descanso, em Feira de Santana.

Segundo a polícia,três deles foram identificados como Anderson Freitas dos Santos Viana, Gilvanicio Almeida de Oliveira e Alefe Batista da Silva, com idades e endereços não divulgados.

Os moradores não gravaram entrevistas, mas disseram que o grupo que praticou o crime era composto de pelo menos dez pessoas. O grupo, ao que tudo indica, usava armas pesadas tipo Fal calibre 762, AK-47, pistolas ponto 40, entre outras.

Ainda de acordo com moradores, eles atacaram duas casas e dispararam muitos tiros. Em uma das casas os matadores usaram bombas e a porta de ferro foi arrancada do local.

Os moradores informaram que as pessoas mortas na chacina não moram na Portelinha e chegaram em um veiculo Fiat Uno para dar apoio às pessoas que estavam dentro das residências.

Uma moradora, que não quis se identificar, disse que o grupo de matadores gritava dizendo que era o Bonde de Rafael. Essa moradora informou ainda que a comunidade vive preocupada com a onda de violência no local.

O delegado João Rodrigo Uzzum, que esteve no local da chacina, disse que por enquanto não vai se pronunciar sobre o caso. Acompanhado de policiais e de peritos do DPT, ele foi nas duas casas onde supostamente teria ocorrido trocas de tiros entre pessoas que estavam nas residências e os matadores.

Fotos: Ney SIlva/Acorda Cidade

Ação de ‘menino-bomba’ deixa mais de 50 mortos


Em Gaziantep, pessoas oravam ante os caixões em linha e muitas famílias consultavam a lista de vítimas transportadas para o necrotério ( Foto: AFP )

Gaziantep. Ao menos 51 pessoas que participavam em um casamento na noite de sábado (20), no sul da Turquia, morreram em um atentado cometido por um menino com idade entre 12 e 14 anos, provavelmente um integrante do grupo Estado Islâmico, afirmou ontem o presidente turco.

“O atentado de Gaziantep é obra de um camicase entre 12 e 14 anos, que se explodiu ou levava explosivos detonados à distância”, declarou Recep Tayyip Erdogan. Ele insistiu na suspeita de que o grupo Estado Islâmico (EI) está por trás do atentado cometido durante o casamento.

No local do ataque foram encontrados pedaços de um colete de explosivos, informou a promotoria, confirmando a tese de um atentado suicida na cidade de Gaziantep, perto da fronteira com a Síria. “O número de pessoas mortas neste ataque terrorista é agora 51”, anunciou o governador da província, Ali Yerlikaya. Este é o ataque mais sangrento na Turquia, palco há um ano de uma onda de atentados atribuídos ao EI ou aos rebeldes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK.

Em um comunicado, o presidente Erdogan afirmou que não vê “qualquer diferença” entre o pregador no exílio Fethullah Gulen, o qual acusa de planejar a tentativa de golpe de 15 de julho, os rebeldes do PKK e o grupo Estado Islâmico, “provável autor do ataque em Gaziantep”.

“Nossa nação só pode reiterar uma mensagem para aqueles que nos atacam: Eles vão fracassar”, escreveu o presidente. Uma autoridade turca afirmou que o “casamento era realizado ao ar livre” em um bairro com grande concentração de curdos, reforçando a pista jihadista. A noiva e o noivo sobreviveram.

O partido pró-curdo HDP condenou o ataque e disse que “muitos curdos foram mortos”. Erdogan também considerou que os autores do ataque tentam semear a divisão entre os grupos étnicos que vivem na Turquia.

Em Gaziantep, os homens oravam ante os caixões em linha e muitas famílias consultavam a lista de vítimas transportadas para o necrotério.

Reações

O ataque provocou numerosas reações. O embaixador dos Estados Unidos John Bass condenou a ação e acrescentou: “Somos solidários com a Turquia, nossa aliada, e estamos empenhados em continuar a trabalhar em conjunto para derrotar a ameaça terrorista”. O presidente russo, Vladimir Putin, denunciou a “crueldade e cinismo” do ataque.

Fonte: http://diariodonordeste.verdesmares.com.br/

Pai é preso suspeito de estuprar filha de cinco anos em Quixadá

Quixadá. Mais um caso de estupro é registrado pela Polícia na região do Sertão Central. O último caso aconteceu no início da noite do último domingo (21), no assentamento Boa Esperança, zona rural deste Município. Lucivando Amorim Fernandes foi preso em flagrante. Ele é suspeito de ter abusado da própria filha de cinco anos.

Pai da criança, suspeito do crie, foi levado para a DRPC de Quixadá (Foto: José Avelino Neto)
Pai da criança, suspeito do crie, foi levado para a DRPC de Quixadá (Foto: José Avelino Neto)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

De acordo com as informações da Polícia, a mãe da criança acionou a composição depois que a filha, de apenas cinco anos, reclamou que a vagina estaria ardendo. Perguntado o que havia acontecido, ela respondeu que seu pai teria tocado suas partes íntimas.

Uma equipe localizou e prendeu o pai da menor. Lucivando tem 34 anos e foi preso na rua da Palha, no mesmo assentamento. Ele foi levado para a Delegacia Regional de Polícia Civil (DRPC) de Quixadá onde encontra-se preso por estupro de vulnerável. O suspeito já responde pelo crime de atentado violento ao pudor.

Série de casos
Este já é o terceiro caso registrado nos últimos dois meses. Em julho, dois casos foram registrado pelo destacamento da Polícia Militar de Quixeramobim.

No dia 31 de julho último, uma adolescente de 19 anos que trabalhava como cozinheira seguia de moto para casa quando foi abordada por um homem. Ele obrigou a vítima largar a moto em que ela estava e seguir com ele, em outra moto, sob ameaça de morte. A adolescente foi levada para as margens da CE-060, próximo ao Hospital Regional do Sertão Central (HRSC), onde foi abusada sexualmente.

No último dia 13 de julho, uma adolescente também foi vítima de estupro após ter sido assaltada. Também sob ameaça de morte, a vítima foi abordada pelo bandido e levada para um matagal. Os dois foram elucidados pela Polícia.

Ex-policial civil de SP que vendia escutas telefônicas para a facção criminosa PCC é morto

Jurandir Tiago da Silva também era testemunha de sequestro contra enteado de Marcola.

Jurandir Tiago da Silva

O ex-policial Jurandir Tiago da Silva, 44 anos, demitido da Polícia Civil de São Paulo por vender cópias de escutas telefônicas autorizadas pela Justiça para membros da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), foi morto a tiros na noite desta sexta-feira (19), na Vila Curuça, região de São Miguel Paulista, na zona leste de São Paulo.

Demitido da Polícia Civil em 18 de setembro de 2008, “a bem do serviço público”, Jurandir Silva estava em um Ford Fiesta quando, por volta das 23h, chegava em casa e foi atingido pelos tiros.

Atualmente, o ex-policial civil era estudante de Direito e recorria, em liberdade, de uma condenação de 12 anos de prisão pelo sequestro de um empresário, que ficou 29 dias em cativeiro, entre julho e agosto de 2011, em Itaquaquecetuba (Grande São Paulo).

Em maio de 2011, o então policial civil Jurandir Silva, do 41º DP (Parque São Lucas), foi apontado pela advogada Maria Odette de Moraes Haddad, à época defensora de presos como Marco Willians Herbas Camacho, o Marcola, e Rogério Jeremias de Simone, o Gegê do Mangue, como responsável por vender cópias de escutas telefônicas contra alguns de seus clientes, todos eles ligados ao grupo criminoso PCC.

Em um vídeo gravado dentro da Delegacia de Suzano (Grande São Paulo), a advogada afirmou a um grupo de policiais que sabia da existência de escutas telefônicas contra Gegê do Mangue e sua mulher porque havia comprado do policial Silva fitas cassete com as cópias de conversas telefônicas de seu cliente, que, mesmo preso, usava celular para fazer articulações.

O vídeo captado na Delegacia de Suzano foi gravado pelo também policial civil Augusto Peña. Ele e outros dois policiais civis eram os responsáveis pela investigação que requisitou à Justiça os grampos telefônicos contra Gegê do Mangue.

Durante aproximadamente 45 minutos, a advogada e Peña falam sobre os grampos telefônicos e sobre Jurandir Silva. No fim do vídeo, Peña diz para Maria Odette de Moraes Haddad que sabia da relação dela com o policial Jurandir.

Foi nesse momento que a advogada resolveu entregar as fitas compradas de Jurandir Silva e entrega-las para Peña. A advogada diz no vídeo que passaria a ficar na mira do PCC por dois motivos: seria suspeita de ligação com o policial Jurandir e também que os membros do PCC poderiam suspeitar que ela comprava as fitas com os grampos telefônicos por valores menores do que os informados à facção criminosa.

Jurandir Silva era considerado pelo Ministério Público Estadual como uma das principais testemunhas do sequestro cometido por Peña contra Rodrigo Olivatto de Morais, enteado de Marcola, do PCC.

Em abril de 2008, Peña foi preso por ter exigido R$ 300 mil para não prender Rodrigo Olivatto. O resgate foi pago, segundo a Promotoria, por membros do PCC.

Além de Peña, outro policial civil, José Roberto de Araújo, à época do Deic (Departamento de Investigações sobre o Crime Organizado), e Carlos Roberto dos Santos, “ganso” (informante, na gíria policial) foram presos pelo seqüestro de Rodrigo Olivatto, filho de Ana Maria Olivatto Herbas Camacho, 45, advogada e ex-mulher de Marcola, assassinada em outubro de 2002.

O ganso Santos, de acordo com a Promotoria, foi o responsável por repassar informações de Rodrigo Olivatto para que os dois policiais civis conseguissem mantê-lo em cativeiro (na Delegacia de Suzano) por aproximadamente 48 horas.

 Crimes de maio de 2006

Em abril de 2006, integrantes do PCC armaram um ataque contra a delegacia de Suzano porque, segundo apuração do Ministério Público, Peña não teria cumprido um acordo com membros do grupo criminoso para libertar Gilmar de Holanda Lisboa, o Pebinha, acusado de ser traficante em Diadema (ABC).

Como os criminosos teriam pago R$ 40 mil para Pebinha não ficar preso em Suzano, o PCC resolveu atacar a delegacia da cidade. Sete pessoas morreram em 7 de abril. Quatro delas supostamente eram do PCC, dois eram policiais e um era amigo dos investigadores.

Pouco mais de um mês após esse episódio, o PCC começou os ataques em massa contra as forças de segurança do Estado.

Era 12 de maio quando Marcola, na sala do então diretor do Deic Godofredo Bittencourt, disse que parte da violência que o Estado enfrentaria se devia às atitudes de policiais como Peña.

Somente depois se soube o que o presidiário Marcola quis dizer. Entre 12 e 20 de maio de 2006, 564 pessoas foram pessoas foram mortas durante a maior crise na segurança pública enfrentada pelo Estado de São Paulo. Durante os chamados “Crimes de Maio”, foram 505 civis e 59 agentes de segurança pública (policiais civis e militares, guardas municipais e agentes penitenciários mortos).

Advogada condenada

Em março de 2009, a advogada Maria Odete de Moraes Haddad foi presa sob suspeita de associação para o tráfico e formação de quadrilha e acabou condenada, em novembro de 2010, a sete anos e seis meses de prisão.

De acordo com o Ministério Público Estadual, Maria Odete integrava a organização criminosa comandada pelo sequestrador Wanderson Nilton Paula Lima, o Andinho, ex-membro do PCC.

Escutas telefônicas apontaram que Maria Odete havia recebido a missão de descobrir o endereço de uma jornalista da RAC (Rede de Comunicação Anhanguera) para que os integrantes da quadrilha a matassem.

O motivo do atentado foi o descontentamento com uma reportagem que a jornalista fez para o jornal “Correio Popular” sobre o casamento de Andinho. Nela, a jornalista fez um perfil de Andinho desde a infância e isso causou sua fúria.

Dois meses antes da prisão de Maria Odete, criminosos ligados a Andinho jogaram duas granadas _nenhuma delas explodiu_ contra a sede da Rede Anhanguera, em Campinas (interior de SP).

Via: http://noticias.r7.com/

Batida entre carro e carreta mata seis pessoas da mesma família na Bahia

Acidente ocorreu na cidade de Luís Eduardo Magalhães, oeste do estado. Entre as vítimas estava uma menina de seis meses de idade. – Do G1 BA

Seis pessoas da mesma família morreram depois que o carro em que elas viajavam bateu de frente com uma carreta, na manhã deste sábado (20), na BR-020, no município de Luís Eduardo Magalhães, oeste da Bahia. As informações são da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

De acordo com a PRF, por volta das 5h, o motorista do carro perdeu o controle do veículo, invadiu a pista contrária e colidiu com a carreta. A PRF ainda informou que existe a suspeita de que ele tenha dormido ao volante. Todos que estavam no veículo, que vinha da Brasília, morreram na hora. Entre as vítimas estava uma menina de apenas seis meses de idade.

Seis pessoas morreram após carro bater de frente com carreta na Bahia (Foto: blogbraga / Repórter Edivaldo Braga)
Carro foi arrastado para o canteiro da rodovia
(Foto: blogbraga / Repórter Edivaldo Braga)

Segundo a PRF, com o impacto, o motorista do carro foi arremessado para fora do veículo. Os agentes acreditam que o homem não usava cinto de segurança no momento do acidente. As outras vítimas ficaram presas às ferragens. O motorista da carreta não sofreu ferimentos.

Com a batida, o carro foi arrastado para o canteiro da pista, e a carreta ficou atravessada entre a pista e um matagal que fica ao lado da rodovia.

Equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas para retirar os corpos das vítimas do local. Eles foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) do município de Barreiras, informou a PRF.

Ainda conforme a PRF, por conta do acidente, o fluxo de veículos na região ficou parcialmente interditado durante a manhã deste sábado. O carro e a carreta foram removidos do local por volta das 10h30.

Seis pessoas morreram após carro bater de frente com carreta na Bahia (Foto: blogbraga / Repórter Edivaldo Braga)Vítimas ficaram presas às ferragens do carro, após o acidente (Foto: blogbraga / Repórter Edivaldo Braga)
Seis pessoas morreram após carro bater de frente com carreta na Bahia (Foto: blogbraga / Repórter Edivaldo Braga)Equipes atuam na região para remover os corpos do local (Foto: blogbraga / Repórter Edivaldo Braga).
GALERIA-GIRO
salgueirococo
parceria serrita
roupas
acesso
parceria
4226947
visitantes Hoje : 1147
total de Acessos: 5028062
Quem está online : 2
IMG-20160512-WA0012