Home » EVENTOS » Forrozeiro Edson Lima inicia nova fase na música

logo Real cds
clemilton alencar
maxx gelo
anuncie aqui

Forrozeiro Edson Lima inicia nova fase na música

Após passar um mês internado por complicações ocasionadas por uma cirurgia de desvio no estômago, realizada há mais de oito anos, o cantor Edson Lima retorna aos palcos do Nordeste. Em passagem por Fortaleza para gravar um especial da Imaginar Filmes, o forrozeiro conversou com o “Puxa o Fole” sobre os momentos de tensão causados pelo descuido com a saúde. Em boa forma, Edson se dedica agora a novos projetos na música em carreira solo e ao lado do irmão Batista Lima. A informação é do Diário do Nordeste.  

Ao lado de Vicente Nery, o forrozeiro gravou um dueto da música “Leilão” que levou o nome do cantor ao cenário nacional. 

Nascido no Sítio Gama, Distrito de São José do Belmonte, em Pernambuco, Edson Lima começou a carreira nos anos 1980 com interpretações de rock e MPB. “Eu iniciei como cantor de baile. Cantei em um dos maiores grupos do Nordeste que era do Ceará, a Banda Magazine, de Juazeiro do Norte. O grupo era do saudoso Gilson Magazine“, conta o vocalista. Segundo o cantor, do gênero forró, o que mais se tocava e se ouvia em rádios eram Luiz Gonzaga e Assisão

Mas foi na Banda Limão com Mel, em 1993, que a voz do forrozeiro ganhou destaque. “Com a chegada de Mastruz com Leite, Forró Maior e Dedim Gouveia as pessoas começaram a invadir as praças com a nova batida do forró principalmente pela Banda Aquários. Carlos Rilmar, o príncipe do forró. Ele foi um grande precursor. Em seguida, veio o Beto Barbosa e começou aquele movimento do forró com Eliane“. 

Edson Lima gravou especial, na última semana, com nomes do forró dos anos 1990. A cantora Walkyria Santos participou da produção 

Ao lado do irmão, Edson afirma ter tido uma das melhores experiências na música. A parceria é tanta que até hoje os dois trabalham juntos em um projeto que relembra os sucessos do início da carreira dos irmãos. “Batista saiu verdinho de casa. Com empenho, dedicação eu sempre soube do talento dele. Quando eu sai da Limão com Mel, o pessoal aprovou de cara. 

Eu já sabia que iria ser sucesso. Ele teve a garra de não ser indicado pelo irmão pra ir cantar na Limão. Foi pelos méritos e passagens em bandas“, declara o forrozeiro. 

http://www.belmontediario.com.br


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

salgueirococo
acesso
IMG-20160512-WA0012

Salgueiro-PE: 1º Trilhão de Amigos