ANUNCIOS

logo Real cds
clemilton alencar
maxx gelo
anuncie aqui

Eclipse solar poderá ser visto das regiões Norte e Nordeste do Brasil

Eclipse solar que acontecerá na próxima segunda-feira (21) privilegiará as regiões Norte e Nordeste do Brasil que poderão ver, parcialmente, o fenômeno. Quem estiver localizado no Macapá e no Amapá terá o melhor ponto de observação entre as capitais, segundo o jornal O Globo. Lá eles poderão ver 40,9% do Sol coberto pela Lua.

Matéria relacionada:

Blog: O Povo com a Notícia

Tia do jogador Daniel Alves morre afogada em rio na Bahia

Caso ocorreu nesta sexta-feira (18), em Juazeiro, norte do estado.

Tia do jogador Daniel Alves morreu afogada nesta sexta, na Bahia (Foto: Reprodução/Instagram)
Tia do jogador Daniel Alves morreu afogada nesta sexta, na Bahia (Foto: Reprodução/Instagram)

Uma tia do jogador baiano Daniel Alves, que atua no clube francês PSG, morreu afogada no rio Salitre, afluente do rio São Francisco, em Juazeiro, norte da Bahia, nesta sexta-feira (18). A informação foi confirmada pela Polícia Civil e por familiares do jogador.

Conforme familiares, a mãe de Daniel Alves é irmã da vítima e passou mal ao receber a notícia. Ela recebeu atendimento médico em um hospital de Juazeiro.

Segundo a polícia, o caso aconteceu na manhã desta sexta, após a vítima, Marlúcia Capistania, 46 anos, sair para cuidar de umas mudas de banana na fazenda Mulungu, no povoado de Salitre, onde morava. De acordo com a polícia, a família estranhou a demora dela e foi procurá-la. O corpo foi encontrado no dreno do rio, perto da fazenda, e retirado da água por familiares.

O corpo de Marlúcia foi levado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Juazeiro. A delegada Lígia Nunes, titular da 17ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin/ Juazeiro), informou que, conforme o relato de familiares, Marlúcia teve um AVC há dois anos e também estava abalada com a morte de um primo, ocorrida na noite de quinta-feira (17), também no povoado de Salitre. O rapaz, que tinha 42 anos, foi morto a tiros. O crime é investigado. Ninguém foi preso.

G1 entrou em contato com a assessoria do jogador, que informou que vai verificar se o alteta vai se pronunciar sobre o assunto.

http://g1.globo.com/bahia

Confirmado: Assaltante morto durante assalto a carro forte em Santa Cruz da Baixa Verde, era de Salgueiro-PE.

Novas informações sobre o assalto a carro forte, ocorrido por volta das 11h desta sexta-feira (18), na PE-365, no distrito de Santa Cruz da Baixa Verde-PE, a aproximadamente 15 km de Serra Talhada-PE,  relatam que um assaltante teria sido alvejado e morto durante o confronto. De acordo com informações do 14ºBPM, o criminosos foi identificado como LEANDRO JONATHAS DE OLIVEIRA SILVA, 24 anos, residente em Salgueiro-PE. Outros informes relatam que um refém, que teria sido jogado do veículo em fuga,  também veio à óbito.
Por: Clodualdo Marques – Giro sertão

Bolsonaro, a verdade que incomoda

A cada ataque desferido, ele sai ainda mais fortalecido, literalmente, nos braços do povo nas ruas e nas centenas de selfies diárias que tomam as redes sociais.

Imagem/divulgação – www.google.com.br/search

Credibilidade é uma palavra-chave. E quando alguém escreve um artigo descolado da realidade — como o de Carlos Andreazza, no GLOBO, intitulado “O inofensivo Bolsonaro”, sugerindo, por exemplo, que ele não tem capacidade de comandar o país por não possuir conhecimento em economia — cai em descrédito.

Ele até já começaria em vantagem nessa área num eventual governo, pois jamais nomearia um Guido Mantega, um Antonio Palocci ou uma Zélia Cardoso para tão importante missão. Teria o que nenhum outro pré-candidato à Presidência da República tem: liberdade para escolher, sem acordos nebulosos pela governabilidade, os melhores para cada ministério.

Presidentes “preparados” nomearam “especialistas com lastro”, que destruíram nossa economia ao favorecerem, desviando dinheiro do contribuinte, empresas de amigos corruptos. Quebraram seus concorrentes, desequilibraram o livre mercado e sufocaram os empreendedores, com altos impostos e burocracia — resultando em milhões de desempregados.

Muitos que atacam Bolsonaro com ofensas pessoais ou delírios pseudointelectuais, tentando passar uma imagem monstruosa para seu público, desconhecem cada pedra que ele juntou ao longo de sua sofrida e admirável jornada para ser, hoje, uma fortaleza política e real ameaça ao corrompido estamento político brasileiro.

Não pensam que, se a cada ataque desferido a Bolsonaro ele sai ainda mais fortalecido, literalmente, nos braços do povo nas ruas e nas centenas de selfies diárias que tomam as redes sociais, isso acontece, obviamente, porque as acusações são falsas.

À exceção de quem tem o preconceito entranhado na mente, no coração ou no bolso, todos enxergam a brutal aberração jurídica do fato de Bolsonaro ser réu por “incitação ao crime” — o que faz muitos operadores do Direito esconderem o rosto dentro da blusa, de vergonha do golpe tão baixo.

Além de desrespeito à imunidade parlamentar — que usa para falar, e não para roubar —, o enquadramento é incompatível com sua trajetória pública. É autor de projetos voltados à castração química de estupradores; à redução da maioridade penal e ao acesso à arma de fogo pelos cidadãos ordeiros, para legítima defesa de sua vida, de sua família e de seu patrimônio.

Críticas são sempre bem-vindas, somos humanos, erramos, aprendemos, não cuspimos em quem tem opinião diversa, evoluímos. E quem tem a verdade ao seu lado não precisa gastar milhões em propaganda — nem receber declaração de amor de um presidente que usa dinheiro do contribuinte para comprar votos de deputados para não ser investigado por corrupção — para fingir ser aquilo que não é.

Longe de ser salvador da pátria, ele é apenas um patriota, defensor da democracia e que se prepara, a cada dia, para, se Deus quiser, colaborar com o resgate do orgulho de ser brasileiro.

oglobo.globo.com/opiniao

 

Em sete meses, 16.121 pessoas foram presas em Pernambuco

Foto/Divulgação

No combate à violência, o principal foco do programa de segurança Pacto pela Vida é a repressão. Segundo estatísticas da Secretaria de Defesa Social (SDS), 16.121 pessoas foram presas nos primeiros sete meses deste ano. Destas, mais de 12 mil foram em flagrantes. Os outros casos foram em cumprimento de mandados de prisão. Os crimes de roubo, tráfico de drogas e até homicídios estão no topo da lista. O número de adolescentes apreendidos neste ano também é alto. Foram 2.690, oficialmente.

Para reduzir a criminalidade e trazer uma maior sensação de segurança à população – atualmente em baixa – a SDS criou a Operação Força no Foco. A ação, que acontece semanalmente em alguma área de Pernambuco, conta com um grande efetivo policial e dura 48 horas ininterruptas para combater os crimes e avançar nas investigações em aberto. Os resultados positivos têm estimulado o secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua, a investir mais em operações integradas. Outra ação para combater o crime organizado é o estímulo às delações premiadas – como antecipou o Ronda JC nesta semana.

Nessa quinta-feira (17), a Operação Força no Foco acontece no Litoral Sul de Pernambuco. Estão envolvidos 70 policiais militares, oito bombeiros, oito delegados, sete escrivães e 40 agentes da Polícia Civil. A Guarda Municipal de Ipojuca também está dando apoio. A PM está intensificando as rondas, abordagens e blitze em áreas consideradas da cidade que apresentam números altos de homicídios e roubos a pedestres.

“Os crimes contra o patrimônio impactam diretamente na sensação de segurança. Muitos desses casos são motivados por dívidas do consumo ou envolvimento com o tráfico de drogas. Fizemos essa mesma operação em Ipojuca, há 45 dias, com um resultado impactante no cumprimento de mandados de prisão, mutirão de investigações de homicídios e coletas de provas. Além disso, uma delegacia móvel foi instalada no centro de Ipojuca com o intuito de realizar atendimento ao público, receber denúncias e abrir boletins de ocorrências”, disse Pádua.

HOMICÍDIOS: Apesar dos esforços, os números da violência continuam muito altos em Pernambuco. Balanço da Secretaria de Defesa Social (SDS), divulgado nessa terça-feira (15), apontou que o Estado já registrou 3.323 assassinatos nos sete primeiros meses deste ano. O número supera o contabilizado ao longo de todo o ano de 2013, como antecipou o Ronda JC na sexta-feira passada. Em julho, foram 447 mortes – 67 a mais que no mês anterior. Dos homicídios de julho, 32% tiveram relação com o tráfico de drogas, 19% foram acerto de contas e 18,5% foram resultantes de conflitos na comunidade ou proximidade, segundo a SDS.

Blog: O Povo com a Notícia

Quadrilha explode Carro-Forte entre Santa Cruz da Baixa Verde e Serra Talhada-PE

por volta das 11h desta sexta-feira (18), um grupo criminosos, fortemente armado, investiu mais uma vez contra um carro forte que transitava pela PE-365, entre o estabelecimento denominado “Bar do Grilo e a “Vila Jatiúca“, no distrito de Santa Cruz da Baixa Verde-PE, a aproximadamente 15 km de Serra Talhada-PE
De acordo com informações extra oficiais, durante a ação criminosa, houve pelo menos uma vítima fatal. Segundo relatos de policiais do 14ºBPM (Serra Talhada-PE) e policiais militares lotados na cidade de Triunfo-PE, que foram acionados para atenderem a ocorrência, a quadrilha era composta por cerca de 12 assaltantes que interceptaram o veículo de transporte de numerários, utilizando dois veículos, tipo caminhonetes.
Um morador da localidade, conhecido como Ivonildo, que teve o irmão Ivonaldo levado como refém, relatou detalhes da ação dos bandidos, dando conta de que o “bando” estava em dois veículos, sendo que um dos carros usados, permaneceu na parte traseira do carro forte e o outro mais adiante, o qual interceptou o veículo, iniciando então uma rajada de tiros contra o carro forte. Após a investida, os criminosos explodiram o blindado. O Ivonaldo e um motorista de um caminhão que trafegava pela via no momento do assalto, foram levados pelos criminosos que seguiram em direção à comunidade de Jatiúca, sendo que o Ivonaldo conseguiu fugir das mãos dos ladrões.
Informações da PM, confirmam que duas caminhonetes, fuzis e munições, foram apreendidas, entretanto, nenhum dos criminosos foram capturados.

Outras informações, apontam que no Hospital Regional Professor Agamenon Magalhães (Hospam), deu entrada de uma pessoa envolvida no confronto, que não resistiu aos ferimentos, vindo a óbito, não sendo confirmando em se tratar de algum assaltante ou vítima de bala perdida.

Por: Clodualdo Marques – Giro sertão

TRE lança concurso com salário de até R$ 10,4 mil no Tocantins

Ao todo, são oferecidas 10 vagas para os cargos de analista judiciário e de técnico judiciário. As inscrições começam no dia 4 de setembro e seguem até 2 de outubro.

Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO) (Foto: Divulgação/TRE-TO)
Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO) (Foto: Divulgação/TRE-TO)

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Tocantins lançou um concurso público para preenchimento de vagas e formação de cadastro reserva. As vagas são para os cargos de analista judiciário e de técnico judiciário e os salários variam de R$ 6.376,41 a R$ 10.461,90. As inscrições começam no dia 4 de setembro. Veja aqui o edital.

O concurso será executado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe).

As taxas de inscrições são de R$ 95 para analista judiciário e de R$ 75 para técnico judiciário e serão feitas somente pela internet, neste site. O prazo começa às 10h do dia 4 de setembro e segue até às 18h do dia 2 de outubro.

Cargos

O cargo de analista judiciário, da área judiciária, exige formação no curso de direito e o salário é de R$ 10.461,90. Ao todo, são três vagas, sendo duas para ampla concorrência e uma para candidatos negros.

Conforme o edital, o cargo de analista judiciário, da área administrativa, exige diploma de conclusão de curso em qualquer área de formação. A remuneração também é de R$ 10.461,90. Não há vagas imediatas, apenas cadastro reserva.

Ainda há duas vagas disponíveis de ampla concorrência para o cargo de analista judiciário, da área administrativa, com especialidade em contabilidade. Neste caso, o candidato deve ser formado no curso de ciências contábeis. A remuneração é a mesma dos cargos anteriores, com uma carga horária semanal de 40 horas.

Há também oportunidade para candidatos de nível médio. São dois cargos: para técnico judiciário, na área administrativa e para técnico judiciário, na área de apoio especializado em programação de sistemas.

Para o primeiro cargo são duas vagas para ampla concorrência e uma reservada para candidatos negros. Em relação ao segundo cargo, são apenas duas vagas para ampla concorrência. O salário é de R$ 6.376,41, com 40 horas semanais.

Provas

As provas objetivas e a prova discursiva para os cargos de nível superior terão a duração de 4 horas e 30 minutos. A previsão é que elas sejam aplicadas no 3 de dezembro, no turno da manhã.

Para os cargos de nível médio, as provas terão a mesma duração e serão aplicadas na mesma data, no turno da tarde.

http://g1.globo.com/to/tocantins

 

PF mata quatro traficantes durante embarque de drogas no Porto de Santos

Eles trocaram tiros com a Polícia Federal e morreram. Ação aconteceu na madrugada desta sexta-feira (18).

Tripulante de navio chega algemado a Delegacia da Polícia Federal em Santos (Foto: João Paulo de Castro/G1)
Tripulante de navio chega algemado a Delegacia da Polícia Federal em Santos (Foto: João Paulo de Castro/G1)

Quatro homens morreram após uma troca de tiros com a Polícia Federal, nesta sexta-feira (18), no Porto de Santos, no litoral de São Paulo. Durante a madrugada, eles tentaram colocar mochilas com drogas dentro de um navio atracado no cais santista. Quatro tripulantes estrangeiros do navio, suspeitos de serem facilitadores do esquema, foram presos.

A Polícia Federal recebeu a informação que uma grande quantidade de cocaína seria colocada dentro de um navio atracado no Porto. Por isso esse motivo, equipes da Polícia Federal montaram campana em uma região próxima à Ponta da Praia, perto do navio Mozu Arrow.

Por volta das 4h40, uma pequena embarcação com quatro pessoas se aproximou do navio atracado em um terminal da margem direita do Porto de Santos. Os homens começaram a içar mochilas com cocaína. Suspeitos a bordo do navio ofereceram uma corda e possibilitaram os integrantes da pequena embarcação amarrar as mochilas, que foram puxadas para dentro.

Quadrilha estava com forte armamento (Foto: Polícia Federal)
Quadrilha estava com forte armamento (Foto: Polícia Federal)

Neste momento, equipes da Polícia Federal se aproximaram da lancha de onde estavam sendo içadas as mochilas e deram voz de prisão para seus integrantes. Os homens atiraram na direção dos policiais federais e tentaram fugir a pelo canal do Porto de Santos, em direção a Vicente de Carvalho. Houve troca de tiros. Quatro homens que estavam na lancha foram baleados e morreram. Parte deles usavam coletes balísticos.

Os policiais federais encontraram oito mochilas contendo cocaína no interior da lancha utilizada na fuga, além de outras três dentro do navio e duas boiando no canal do Porto. Eles também acharam armamentos pesados, entre eles, dois fuzis e muita munição.

O Corpo de Bombeiros também foi acionado para ajudar nas buscas por outros armamentos e drogas que, possivelmente, foram jogados no canal do Porto durante a fuga. A Polícia Federal segue trabalhando para identificar e prender as pessoas a bordo do navio atracado e que estavam trazendo (içando) a droga para o interior da embarcação.

PF apreendeu drogas durante a operação (Foto: G1 Santos)
PF apreendeu drogas durante a operação (Foto: G1 Santos)
Mala estava sendo entregue para ocupantes de um navio (Foto: Polícia Federal)
Mala estava sendo entregue para ocupantes de um navio (Foto: Polícia Federal)
http://g1.globo.com/sp/santos

Mãe reconhece corpo errado e descobre que filha não morreu em acidente na Paraíba

Confusão aconteceu após mãe olhar foto na delegacia a achar que corpo de outra vítima era da jovem, que está em estado grave.

Carro desgovernado invadiu acostamento e atropelou as três mulheres em Mamanguape (Foto: Reprodução/TV Cabo Branco)
Carro desgovernado invadiu acostamento e atropelou as três mulheres em Mamanguape (Foto: Reprodução/TV Cabo Branco)

A mãe de uma jovem atropelada na BR-101 em Mamanguape, na zona da mata da Paraíba, achava que a filha estava morta, mas descobriu que ela estava viva quando foi liberar o corpo na Gerência Executiva de Medicina e Odontologia Legal (Gemol), em João Pessoa, para fazer o sepultamento. O acidente aconteceu na quarta-feira (17) e o reconhecimento nesta quinta-feira (18).

O acidente que deixou a jovem ferida e matou outras duas mulheres aconteceu no acostamento da BR-101, na entrada da cidade de Mamanguape, a cerca de 52 km de João Pessoa. Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), as três vítimas praticavam Cooper no acostamento da rodovia quando o carro desgovernado invadiu o trecho e as atropelou.

A confusão no reconhecimento das vítimas começou ainda na delegacia de Mamanguape, quando a mãe Sandra Regina olhou fotos do acidente e achou que um dos corpos fosse de sua filha Rita de Cássia Lima de Almeida. O corpo visto pela mãe era, na verdade, de Edvânia Neves, de 40 anos. Além de Edvânia, também morreu no acidente Maria Priscila de Araújo, de 25 anos.

De acordo com boletim médico divulgado pelo Hospital de Trauma de João Pessoa na noite de quinta-feira, Rita de Cássia seguia internada em estado considerado grave. Segundo informações repassadas por testemunhas, Rita de Cássia teve uma perna e um braço quebrados.

O carro envolvido nos atropelamentos seguia de Recife, em Pernambuco, para Natal, no Rio Grande do Norte. O impacto foi tão forte que a parte dianteira do veículo ficou completamente destruída. O acidente aconteceu em um trecho da BR-101 onde a velocidade máxima permitida é de 60 km/h.

http://g1.globo.com/pb/paraiba

Sergipe-SE: PRF apreende mais de três toneladas de maconha em uma carreta

Abordagem aconteceu no município de Malhada dos Bois. Homem de 43 anos foi preso em flagrante.

Agentes federais faziam o trabalho de fiscalização quando abordaram a carreta (Foto: Divulgação/PRF-SE)
Agentes federais faziam o trabalho de fiscalização quando abordaram a carreta (Foto: Divulgação/PRF-SE)

A ação aconteceu no quilômetro 22 da BR – 101, na Unidade Operacional da PRF, localizada no município de Malhada dos Bois, município brasileiro do estado de Sergipe. Os agentes federais faziam o trabalho de fiscalização quando abordaram a carreta com placa do Paraná.

Segundo a PRF, durante revista no compartimento de cargas descobriram diversos tabletes com maconha, totalizando 3,3 toneladas do entorpecente.

Segundo suspeito preso, droga tinha como destino final a cidade de Recife, em Pernambuco (Foto: Divulgação/PRF/SE)
Segundo suspeito preso, droga tinha como destino final a cidade de Recife, em Pernambuco (Foto: Divulgação/PRF/SE)

O motorista, de 43 anos, ainda tentou fugir para o matagal à margem da rodovia, mas foi detido pelos policiais. Com ele a polícia encontrou R$ 29 mil, que segundo informações do próprio condutor, ficaria com R$ 10 mil para pagamento do serviço e o restante para custos com a viagem de Feira de Santana/BA até Recife/PE, destino final da droga.

A equipe PRF também disse que a carreta utilizada para o transporte do entorpecente utilizava placa clonada.

http://g1.globo.com/se/sergipe

salgueirococo
acesso
IMG-20160512-WA0012

Salgueiro-PE: 1º Trilhão de Amigos